sexta-feira, fevereiro 23, 2018

    Calendário do PIS e PASEP 2018

    São Paulo — Os trabalhadores que nasceram em março e abril e têm direito ao saque do oitavo lote do abono salarial do PIS/Pasep ano-base 2016 vão poder retirar o dinheiro a partir desta quinta-feira (22). Serão liberados cerca de 2,7 bilhões de reais nesse lote.

    Os valores do abono variam de 80 reais a 954 reais, conforme o tempo de trabalho no ano passado. Ao todo, serão disponibilizados 15,7 bilhões de reais para 22,1 milhões de beneficiários em todo o calendário.
    Quem trabalha na iniciativa privada recebe pela Caixa, já os servidores públicos recebem pelo Banco do Brasil. O pagamento obedece a um calendário baseado no mês de nascimento do trabalhador, no caso do PIS, e no número final de inscrições, no caso do Pasep. Por dentro do assunto: Você sabe a diferença de PIS e Pasep? A ContaAzul te ajuda a entender melhor Patrocinado 

    Calendário PIS

    Nascidos em*Recebem a partir deRecebem até
    Julho22/07/201729/06/2018
    Agosto17/08/201729/06/2018
    Setembro14/09/201729/06/2018
    Outubro19/10/201729/06/2018
    Novembro17/11/201729/06/2018
    Dezembro14/12/201729/06/2018
    Janeiro e Fevereiro18/01/201829/06/2018
    Março e Abril22/02/201829/06/2018
    Maio e Junho15/03/201829/06/2018
    *O crédito em conta para correntistas da Caixa é efetuado dois dias antes da data estabelecida para o saque

    Calendário Pasep

    Final da inscrição**Recebem a partir deRecebem até
    027/07/201729/06/2018
    117/08/201729/06/2018
    214/09/201729/06/2018
    319/10/201729/06/2018
    417/11/201729/06/2018
    518/01/201829/06/2018
    6 e 722/02/201829/06/2018
    8 e 915/03/201829/06/2018
    **O crédito em conta para correntistas do BB é efetuado a partir do terceiro dia útil anterior ao início de cada período de pagamento
    O abono de 2016 começou a ser pago em 27 de julho de 2017 e vai até 29 de junho de 2018.  Já foram pagos 10,6 bilhões de reais a 14,35 milhões de trabalhadores, o equivalente a 58,58% dos mais de 24,5 milhões de beneficiários que têm direito ao abono.
    Segundo o Ministério do Trabalho, mesmo quem já teve o benefício liberado no ano passado, mas não sacou o recurso, ainda pode retirar o abono salarial.  O dinheiro ficará disponível para saque nas agências bancárias até 29 de junho deste ano.
    Depois desse prazo, os benefícios que não forem sacados retornarão ao Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), para pagamento do Abono Salarial do próximo ano e do seguro-desemprego.

    Quem tem direito ao saque?

    Tem direito ao abono salarial quem estava inscrito há pelo menos cinco anos no PIS/Pasep e trabalhou formalmente por pelo menos um mês em 2016, com remuneração média de até dois salários mínimos. Mas é preciso que os dados tenham sido informados corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais).
    O valor do benefício varia de 80 reais a 954 reais, de acordo com o tempo trabalhado no ano-base. Para receber o valor cheio, é necessário ter trabalhado formalmente durante todo o ano de 2016 com rendimento médio de até dois salários mínimos.

    Fonte:Exame

    BB tem lucro líquido ajustado de R$ 3,188 bi no 4º trimestre (+82,5% em 1 ano)

    O Banco do Brasil (BB), que fecha nesta quinta-feira, 22, a temporada de balanços dos grandes bancos de capital aberto no País, registrou lucro líquido ajustado de R$ 3,188 bilhões no quarto trimestre de 2017, cifra 82,5% superior à registrada no mesmo período do ano anterior, de R$ 1,747 bilhão. Na comparação com os três meses anteriores, o resultado apresentado pela instituição foi 17,7% maior.
    O lucro líquido ajustado do BB ficou bem acima das projeções do mercado. A cifra foi 13,5% superior à média de R$ 2,809 bilhões, conforme seis casas consultadas na Prévias Broadcast (BTG Pactual, Bradesco BBI, Citi, Deutsche Bank, JPMorgan e UBS).
    Broadcast, serviço de notícias em tempo real do Grupo Estado, considera que o resultado está em linha com as projeções quando a variação para cima ou para baixo é de até 5%.
    O lucro líquido ajustado da instituição do quarto trimestre foi o maior lucro trimestral nominal originado em suas operações na história do banco. O desempenho foi impulsionado, conforme a instituição explica em relatório que acompanha as suas demonstrações financeiras, por maiores ganhos com tarifas e ainda menores despesas com inadimplência e gastos administrativos.
    Em 2017, o lucro líquido do banco totalizou R$ 11,1 bilhões, 54,2% maior na comparação com o exercício anterior, de R$ 7,171 bilhões. Segundo o BB, o desempenho também reflete o crescimento das receitas de tarifas e serviços, menos gastos com calotes e ainda maior eficiência com o controle das despesas administrativas.
    Com o lucro do ano passado, o BB ficou no centro das suas projeções para 2017. Isso porque o banco havia divulgado ao mercado que esperava que seu lucro líquido ajustado ficasse entre R$ 9,5 bilhões e R$ 12,5 bilhões.
    A carteira de crédito ampliada do BB foi a R$ 681,3 bilhões no quarto trimestre do ano passado, aumento de 0,6% em relação ao fechamento do terceiro trimestre, de R$ 677,037 bilhões. Em um ano, porém, os empréstimos se reduziram em 3,8%. Na pessoa física, foi visto crescimento de 0,1% em dezembro ante setembro e queda de 0,1% em um ano. Já a carteira da pessoa jurídica encolheu 0,4% e 8,9%, respectivamente.
    O total de ativos do Banco do Brasil alcançou R$ 1,369 trilhão de outubro a dezembro, montante 2,3% menor ante um ano, quando estava em R$ 1,401 trilhão. Na comparação com os três meses anteriores teve queda de 2,2%.
    O BB encerrou dezembro com patrimônio líquido de R$ 98,7 bilhões, cifra 13,2% superior em um ano, de R$ 87,2 bilhões. O retorno sobre o patrimônio líquido (RSPL) no quesito mercado do BB foi a 14,5% no quarto trimestre, melhora de 1,7 ponto porcentual em relação ao terceiro trimestre, quando o indicador ficou em 12,8%. Em 12 meses, o índice cresceu 5,8 p.p.
    Já no consolidado de 2017, a rentabilidade do BB atingiu 12,3% contra 8,8% no ano anterior, reforçando a melhora dos resultados do banco público durante a gestão de Paulo Caffarelli. O executivo assumiu o comando da instituição em 2016 com o desafio de melhorar o seu retorno após uma política de concessão de crédito a juros menores e em plena crise financeira.
    No critério ajustado, o retorno do BB foi a 12,5% no quatro trimestre ante 10,8% no terceiro e 7,2% em um ano. Em 2017, ficou em 10,7% contra 7,5% no ano de 2016.
    O lucro líquido do BB, considerando eventos extraordinários, somou R$ 3,108 bilhões no quarto trimestre, um salto de 222,7% ante um ano, de R$ 963 milhões. Em 2017, ficou em R$ 11,011 bilhões, expansão de 37,1% em relação a 2016.
    A diferença entre o lucro ajustado e o resultado com eventos não recorrentes no quarto trimestre, conforme o banco, se deu por conta de R$ 80 milhões em eventos não recorrentes, resultado de um valor negativo de R$ 294 milhões por planos econômicos, compensados por um efeito positivo de R$ 199 milhões de ajuste de indenização do Proagro fora questões fiscais.
    O BB comenta seus resultados do segundo trimestre nesta quinta-feira em coletiva de imprensa às 10h, na nova sede, em São Paulo.
    Istoé 

    Paraíba ganhará 60 leitos de UTI com inauguração do Hospital Metropolitano Dom José Maria Pires



    Um dos equipamentos hospitalares mais
     modernos do Estado da Paraíba, com mais de 20 mil metros quadrados de área construída, já está com obras em fase avançada. Trata-se do Hospital Metropolitano Dom José Maria Pires, que será inaugurado ainda neste primeiro semestre.

    Mais de R$ 150 milhões foram investidos pelo Governo do Estado, em parceria com o Governo Federal, para beneficiar mais de 2 milhões de pessoas com o primeiro hospital público especializado em neurologia e cardiologia da Paraíba. São 226 leitos, sendo 60 deles de UTI e um investimento de R$ 15 milhões mês para custear toda a unidade, quando utilizado 100% da capacidade.

    A secretária de Saúde, Claudia Veras, chama atenção para a importância do hospital diante do perfil epidemiológico. “As doenças relacionadas ao coração são a maior causa de óbito em todo o mundo. Mais de 2 milhões de paraibanos serão beneficiados com a abertura do Hospital Metropolitano, que fará também os atendimentos pediátricos de cardiologia e neurologia”, ressaltou.

    Sustentabilidade - O hospital terá sistema de refrigeração chiller central com água gelada, sem perdas de líquido, para a manutenção constante do ar em temperatura agradável para os pacientes e trabalhadores do local. Além disso, um reservatório com 200 mil litros garante que não haverá falta de água no ambiente.

    Para manter a água quente para esterilização e outros procedimentos, 80 painéis solares estão dispostos no último piso do hospital, bem como cinco boilers de 5 mil litros cada. Uma estação de tratamento de água com capacidade de 240mil litros ao dia foi construída para que todo o esgoto produzido no hospital seja devolvido ao meio ambiente tratado, nas galerias pluviais que desaguam em rios próximos.

    Obras em ritmo acelerado - Em todo o projeto foram utilizados mais de 8 mil metros cúbicos de concreto e 360 toneladas de aço para construção civil. No forro de cada pavimento, 13 projetos diferentes de engenharia foram executados para garantir que todos os serviços serão oferecidos no hospital, como água, luz, cabeamentos de diversos tipos, sistema de incêndio, entre outros.

    Um heliponto de 40 metros quadrados, com capacidade para receber todos os modelos de helicóptero comerciais, foi construído para receber os pacientes que chegarem por via aérea e já está autorizado pela Anac.

    No que se refere à cerâmica, foram utilizados mais de 34 mil metros quadrados, entre porcelanato, piso vinílico e piso condutivo, incluindo paredes com esse tipo de revestimento. Cinco geradores de alta capacidade poderão fornecer energia para o hospital inteiro, desde elevadores a salas de cirurgia. Eles responderão em 3 segundos a partir de uma queda de energia. Nas salas de cirurgia, nobreaks mantêm a energia constante impedindo qualquer oscilação que prejudique o procedimento realizado.

    Em todo o hospital, foi aplicada tinta hospitalar própria para lavagem e higienização. Ao todo, foram 33 mil metros quadrados de pintura. Nas salas cirúrgicas foi usada tinta 100% epóxi anticorrosiva.

    O monitoramento dos equipamentos de saúde dos pacientes também está garantido por 110 mil metros lineares de cabos de lógica em todo o hospital, que é totalmente interligado por rede de fibra ótica. Em cada leito haverá dois pontos de lógica para instalar equipamentos. Com essa estrutura, é possível oferecer internet de alta velocidade e monitoramento de alta capacidade para todos os pacientes.

    No pico de execução do projeto, foram levantados cerca de 2 mil metros quadrados por mês de estruturas e mais de 600 profissionais trabalharam na construção do hospital.

    Fonte:PB Notícias

    Aposentados e pensionistas do INSS têm até fevereiro para comprovar vida.


    Aposentados e pensionistas que ainda não comprovaram ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que estão vivos têm até o próximo dia 28 para fazer o procedimento no banco em que recebem seus benefícios. Quem não fizer a comprovação de vida no tempo previsto poderá ter seu pagamento bloqueado.

    Até o último dia 8, mais de 3 milhões de beneficiários ainda não comprovaram o procedimento obrigatório. Segundo o INSS, mais de 34 milhões de beneficiários têm que procurar o banco em que recebem o benefício e apresentar um documento de identidade com foto (RG, carteira de trabalho, carteira nacional de habilitação etc). Algumas instituições financeiras estão utilizando a tecnologia de biometria para realizar o procedimento nos terminais de autoatendimento.

    Quem não puder comparecer à agência bancária por motivo de doença ou dificuldade de locomoção pode eleger um procurador que deverá ser cadastrado junto ao INSS. O procurador deverá ir a uma agência da Previdência Social munido do documento assinado pelo beneficiário e de um atestado médico, emitido nos últimos 30 dias, que comprove a impossibilidade de locomoção do beneficiário ou doença contagiosa, além dos documentos de identificação do procurador e do beneficiário. Um modelo da procuração está disponível na página do INSS.

    Os beneficiários que vivem no exterior também podem realizar a comprovação de vida por meio de um procurador cadastrado no INSS ou por meio de documento de prova de vida emitido por consulado, bem como pelo Formulário Específico de Atestado de Vida para o INSS, que está disponível nos sites da Repartição Consular Brasileira ou do instituto.

    Inicialmente, o prazo para que aposentados e pensionistas fizessem a prova de vida terminaria em 31 de dezembro de 2017, mas devido ao grande número de beneficiários que perderia o prazo, o período foi estendido até 28 de fevereiro de 2018.


    Agência Brasil

    quinta-feira, fevereiro 22, 2018

    Saiba quanto cada município da Paraíba deve receber do AFM

    As 223 prefeituras paraibanas receberão R$ 62.825.925,10 referentes ao Apoio Financeiro aos Municípios (AFM) logo após o presidente Michel Temer (MDB) sancionar a liberação do dinheiro aprovado pelo Congresso Nacional.
    O município de João Pessoa ficará com a maior parte dos recursos, um total de R$ 6.872.852,23. Logo depois, com a maior fatia aparece Campina Grande com R$ 1.902.437,45, seguida por Santa Rita com R$ 1.030.626,52; Patos com R$ 916.112,46; Bayeux com R$ 858.855,44, e Cabedelo, Cajazeiras e Sousa com R$ 687.084,35, cada.
    O presidente da Federação das Associações de Municípios da Paraíba (Famup), Tota Guedes, chegou a comandar uma caravana de prefeitos paraibanos em Brasília para pressionar deputados e senadores a votarem favoráveis à liberação do apoio financeiro. Eles visitaram os gabinetes de todos os parlamentares paraibanos, pedindo apoio ao projeto. “Essa é uma luta vitoriosa”, afirma Tota.
    Para os mais de cinco mil municípios brasileiros serão destinados um total de R$ 2 bilhões. De acordo com o texto aprovado no Congresso, serão R$ 600 milhões para educação; R$ 1 bilhão para a saúde; e R$ 400 milhões para a assistência social por meio do Fundo de Participação dos Municípios (FPM).
    De acordo com a Confederação Nacional de Municípios (CNM), o repasse da verba era financeira e politicamente impossível, mas movidos pela aguda dificuldade financeira e pelo anseio de fechar as contas dentro dos princípios legais, os prefeitos atuaram intensamente pela conquista.
    No parlamento, a verba extraordinária foi aprovada por meio do Projeto de Lei do Congresso Nacional (PLN) 1/2018, com o objetivo de assegurar a continuidade dos serviços públicos básicos nos municípios.
    *Reportagem de André Gomes, do Jornal Correio da Paraíba

    Chuvas de fevereiro estão acima da média; previsão é positiva para março

    O balanço parcial das chuvas que caíram neste mês de fevereiro na Paraíba revela que os índices são acima da média histórica no estado. As informações foram dadas pelo meteorologista da Agência Executiva de Gestão da Águas (Aesa), Alexandre Magno na Rádio Panorâmica FM.
    Segundo ele, para os próximos meses a previsão é animadora, pois as condições climáticas atuais estão semelhantes às que ocorreram nos anos de 2000 e 2011.
    – Em março será elaborada uma nova previsão, mas o alcance dela segue no mesmo padrão da anterior, já que não houve um avanço das águas quentes no Pacífico e o Atlântico apresenta uma constância – explicou.
    Alexandre também disse que a possibilidade dos reservatórios acumularem aportes hídricos significativos é bem maior, porque nos meses de janeiro e fevereiro ocorreram chuvas que trouxeram umidade ao solo e encheram os pequenos açudes, que deságuam nos grandes mananciais.
    – Mantendo essa regularidade das chuvas, que já abriu o caminho das águas, temos impactos favoráveis na contribuição hídrica – revelou Alexandre, destacando que vários açudes tiveram aportes hídricos superiores a 1 milhão de metros cúbicos nos últimos dias.
    PB Agora

    Trabalhadores poderão transferir automaticamente salário para contas digitais

    A partir de 1° de julho, os trabalhadores poderão transferir automaticamente o salário, sem pagar tarifas, para contas digitais, como Pay Pal e Nubank. O Conselho Monetário Nacional (CMN) regulamentou a portabilidade da conta-salário para contas de pagamento (não operadas por bancos), o que inclui contas digitais e pré-pagas.
    Atualmente, o trabalhador pode fazer a portabilidade da conta-salário (onde o empregador deposita a remuneração mensal) apenas para uma conta-corrente. As transferências para contas não bancárias também podem ser feitas, mas com a cobrança de tarifas, como ocorre com qualquer transação do tipo.
    O CMN também inverteu o procedimento de portabilidade. Em vez de o trabalhador ir ao banco onde o empregador mantém a conta-salário pedir a transferência sem cobrança, ele poderá fazer o pedido à instituição que mantém a conta de destino. O banco ou a instituição não bancária se encarregará de encaminhar os documentos para concluir a portabilidade.
    A mudança, que também entra em vigor em julho, iguala a portabilidade das contas-salário ao procedimento praticado na telefonia. Para mudar de operadora telefônica sem trocar de número, o detentor da linha pede a transferência na empresa para a qual quer transferir a linha.
    Agência Brasil

    PSDB Nacional trabalha para não lançar candidatura própria da legenda na Paraíba

    PSDB Nacional trabalha para não lançar candidatura própria da legenda na Paraíba
    Pré-candidato à Presidência, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, vai ter a palavra final sobre as candidaturas do PSDB aos governos estaduais. De acordo com matéria publicada no Correio Brasiliense desta quinta-feira (22), aliados do tucano, destacam que a ideia é usar uma resolução partidária de 2014 que deu carta branca à executiva do partido para promover intervenções nos diretórios regionais quando necessário. Um ponto da matéria que chama a atenção é a não citação de nenhum pré-candidato tucano da Paraíba no rol de candidatos.
    Naquele ano, o senador Aécio Neves (MG) era presidente do PSDB e pré-candidato ao Palácio do Planalto, assim como Alckmin agora. A proposta foi aprovada na época pelo diretório nacional, apesar de sofrer forte resistência interna.

    A preocupação no entorno de Alckmin é que ele fique sem palanques fortes nos principais colégios eleitorais do País. Pelo mapa atual, o PSDB não tem opções competitivas em Minas Gerais, Rio, Bahia e Pernambuco, que representam cerca de 30% do eleitorado nacional.

    Por ora, o partido contabiliza 12 pré-candidaturas consideradas "consolidadas" pela cúpula tucana, mas parte delas pode acabar sendo sacrificada em nome do projeto nacional. Alckmin tem dito a aliados que nesses casos é normal que "a ordem venha de cima" até então o PSDB paraíba cita que tem como pré-candidato ao Governo o prefeito de Campina Grande Romero Rodrigues, ou até o senador Cássio Cunha Lima, porém nenhum dos dois é citado na matéria, como sendo uma candidatura prioritária da legenda.

    Potenciais aliados do PSDB na eleição presidencial de outubro, PSD, DEM, PSB e PPS devem apresentar ao governador suas listas de prioridades regionais. Essa equação será decisiva para os tucanos.

    O DEM calcula nove potenciais candidaturas estaduais, sendo Goiás, Rio, Bahia e Rio Grande do Sul as prioritárias. A legenda pede que os tucanos apoiem Ronaldo Caiado em Goiás, César Maia no Rio, ACM Neto na Bahia e Onyx Lorenzoni no Rio Grande do Sul

    Já as conversas de Alckmin com o PSB só avançarão se o partido desistir de disputar Pernambuco, Distrito Federal e Espírito Santo para apoiar a sigla.
    Fator Minas
    Base de Aécio, que planeja disputar a reeleição, Minas Gerais é a maior preocupação dos auxiliares e estrategistas do governador paulista. O Estado representa 10,6% do eleitorado nacional.

    O PSDB caminhava para fechar uma aliança com o DEM, que deve lançar o deputado Rodrigo Pacheco ao governo do Estado. O acordo, porém, não vingou por causa da resistência do DEM a incorporar Aécio na chapa como candidato ao Senado.

    Pacheco, que vai deixar o MDB mineiro para ingressar no DEM, disse nesta quarta-feira (21/2) que não faz objeção em apoiar a candidatura presidencial de Alckmin no Estado e que gostaria de ter em seu palanque o senador tucano Antonio Anastasia (mais informações nesta página) - nome que também agrada ao governador de São Paulo.

    Aliados de Aécio, no entanto, ensaiam lançar um deputado federal da bancada mineira com o objetivo de marcar posição e garantir a candidatura à reeleição do senador. Essa opção, por sua vez, desagrada a interlocutores de Alckmin. A solução de consenso seria colocar Anastasia na disputa ao governo mineiro.

    Líderes e deputados do PSDB pressionaram nesta quarta Anastasia, que resiste à ideia. Em Brasília, onde passou o dia, Alckmin se reuniu com o senador mineiro e afirmou que ele é o "candidato natural" do partido ao Palácio Tiradentes, sede do governo estadual.

    Minas Gerais, atualmente sob o comando do petista Fernando Pimentel, foi governada por Anastasia de 2010 a 2014. O senador era vice de Aécio, que renunciou ao cargo para concorrer à vaga no Senado.

    Alckmin disse que será o "porta-bandeira" de Anastasia, caso ele queira disputar o cargo. "Anastasia é um quadro excepcional, une o partido e também os aliados. Se depender de mim, estarei na linha de frente, porta-bandeira do Anastasia", afirmou o presidenciável tucano.
    Conversas
    Alckmin teve nesta quarta em Brasília vários encontros ao longo do dia com senadores de Espírito Santo, Ceará, Minas Gerais e Santa Catarina.

    O líder do PSDB no Senado, Paulo Bauer (SC), foi um dos que discutiram sobre as eleições com o governador de São Paulo. Também houve conversas com os senadores Tasso Jereissati (CE) e Ricardo Ferraço (ES), além de Anastasia.


    Fonte:PB Agora com  Correio Brasiliense

    terça-feira, fevereiro 20, 2018

    ProUni: selecionados têm até dia 23 para comprovar dados

    ProUni: selecionados têm até dia 23 para comprovar dados
    Termina nesta sexta-feira (23) o prazo para comprovação dos dados dos candidatos pré-aprovados na primeira chamada do Programa Universidade para Todos (ProUni). A confirmação das informações é requisito para garantir a vaga e deve ser feita na universidade onde o candidato vai estudar.

    Os dados que devem ser comprovadas dizem respeito ao cadastro e à renda, tanto do candidato quanto de seu grupo familiar e prova de residência, entre outros. De acordo com o Ministério da Educação (MEC), os candidatos devem ficar atentos e se informar nas instituições de ensino sobre os documentos, pois informações complementares poderão ser solicitadas.
    O ProUni oferece bolsas de estudo integrais e parciais em cursos de graduação de instituições privadas de educação superior. Nesta edição, foram ofertadas aproximadamente 243 mil bolsas, sendo 113.863 integrais e 129.124 parciais.
    De acordo com o MEC, as bolsas integrais foram destinadas a estudantes com renda per capitade até 1,5 salário mínimo. As  bolsas parciais são para os candidatos cuja renda familiar per capita vai até três salários mínimos. Podem concorrer às bolsas do ProUni brasileiros sem diploma de curso superior e que tenham participado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em 2017, com nota superior a 450 pontos e que não tenham zerado a prova.
    O estudante também deve ter cursado o ensino médio completo em escola pública, ou em instituição privada como bolsista integral, ter alguma deficiência, ser professor da rede pública ou estar enquadrado no perfil de renda exigido pelo programa.
    O processo seletivo do ProUni é composto por duas chamadas sucessivas. A segunda chamada está prevista para 2 de março. No mesmo dia tem início o prazo para comprovação de informações da segunda chamada, que vai até 9 de março. Em caso de não aprovação, o prazo para manifestar interesse na lista de espera é de 16 a 19 de março.

    Agência Brasil

    sábado, fevereiro 17, 2018

    Romero deve reunir PSDB na próxima semana para afunilar decisão sobre chapa majoritária

    O prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSDB), revelou nesta sexta-feira (16) que deve conversar com dirigentes do PSDB na próxima semana para avançar nas discussões sobre formação de chapa majoritária das oposições. O tucano admitiu que não dá para esperar até abril para decidir se renuncia ou não ao mandato para se lançar candidato nas próximas eleições.
    “Vou dar uma conversada com o PSDB o mais rápido possível para saber do sentimento do partido e a gente ir caminhando para a tomada da decisão. Vamos ver se na semana que vem avançamos um degrau”, disse.
    Romero ainda se acostou a entendimentos de outras lideranças da oposição de que é chegada a hora de bater o martelo sobre a pré-candidatura oposicionista.
    “Já está chegando um tempo bom da gente ir se definindo. Não dá para ser no final de março porque quem precisa renunciar precisa saber um pouco antes para poder se organizar”, finalizou.

    Fonte:Paraiba.com.br

    INSS informa que 200 mil segurados já podem receber benefício da aposentadoria.


    O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) estima que, a partir deste mês, cerca de 200 mil segurados poderão dar entrada no pedido de aposentadoria sem precisar ir a um posto de atendimento. Cinco mil segurados que estão aptos a conseguir a aposentadoria por tempo de contribuição - 35 anos de recolhimento, para homens, e 30, para mulheres - já serão notificados por meio de carta nas próximas semanas. Os demais 195 mil serão avisados ao longo do ano. Para autorizar o novo procedimento, o INSS publicará uma portaria mês que vem.

    No caso da aposentadoria por tempo de contribuição foi realizado um levantamento em que se constatou que há cerca de 200 mil agendamentos marcados para solicitação desse benefício. Dessa forma, está sendo feita uma filtragem para averiguar, nessa primeira leva, quais podem ter o benefício concedido de forma automática, ou seja, os casos que não precisam de avaliação social ou pericial nem do cumprimento de ‘exigências’ (entrega de documentos ou informações ausentes) ou casos de excepcionalidades tais como quando há contagem de tempo especial.

    Até o momento já foram concedidas 200 aposentadorias por idade, urbanas, de forma automática e 300 segurados preferiram não dar andamento ao pedido mesmo tendo recebido o comunicado. Ainda não foram divulgados os dados por estado, segundo a assessoria do instituto.

    No próximo mês, outros benefícios e serviços também poderão ser concedidos e realizados automaticamente, tais como a Aposentadoria por Tempo de Contribuição e Salário Maternidade - urbanos e rural. Além disso, será possível também a atualização de endereço diretamente pelo site do INSS. Atualmente, esse serviço pode ser realizado pelo 135 ou diretamente em uma Agência da Previdência Social.

    Como funciona

    No modelo convencional, quando um segurado realiza um agendamento no INSS, ele apenas marca uma ida a uma agência para daí formalizar o pedido e entregar os documentos. Já no novo modelo, o segurado que possui todas as condições entra em contato com o INSS, pela internet ou telefone, para dar entrada no pedido (‘requerimento’). E, uma vez constatado que as informações nas bases cadastrais do INSS estão corretas, o benefício é concedido automaticamente.

    Ao receber a notificação de que tem direito à aposentadoria por idade e, caso tenha interesse em receber o benefício, o cidadão confirma diretamente pelo 135 ouinss.gov.br. Neste caso, o INSS envia outro comunicado já com as informações sobre o pagamento do benefício. Também é possível conferir essas informações diretamente no site do INSS, na seção 'Meu INSS', e pelo aplicativo para celulares.

    Integral

    Após filtragem, o INSS entrará em contato com os segurados que possuem o direito ao benefício, por carta e e-mail. Também será possível saber do direito à aposentadoria diretamente pelo Meu INSS. Importante ressaltar que o INSS não envia mensagens eletrônicas.



    Jornal Correio 

    Governo Federal autoriza pagamento do Garantia-Safra 2016/2017, para 25 municípios da Paraíba.

    Imagem ilustrativa
    Benefício será pago em cinco parcelas; veja a lista de municípios contemplados

    O Governo Federal autorizou a partir deste mês de fevereiro, o pagamento da primeira parcela do programa Garantia-Safra, referente ao período 2016/2017, para mais 25 municípios da Paraíba. A medida liberando os recursos foi publicada no Diário Oficial da União da última quarta-feira (14), através da portaria nº 80, assinada pelo secretário especial da Secretaria Especial da Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário.

    De acordo com a portaria, o estado da Paraíba é o segundo entre os contemplados no país com maior número de municípios beneficiados. Outros 48 municípios no estado foram beneficiados com a liberação de recursos para o programa durante o mês de janeiro. Têm direito ao benefício produtores rurais que tiveram perdas acima de 50% no plantio provocadas por chuvas ou estiagem.

    O pagamento do Garantia-Safra é feito em cinco parcelas no valor de R$ 170, totalizando R$ 850. As datas de pagamento de cada parcela são definidas com base no calendário de benefícios sociais da Caixa Econômica Federal (CEF), observando o número final do Número de Identificação Social (NIS) de cada agricultor.

    Municípios

    Os municípios contemplados foram: Belém do Brejo do Cruz, Brejo do Cruz, Carrapateira, Catolé do Rocha, Conceição, Condado, Junco do Seridó, Mãe D’Água, Malta, Olho D’água, Parari, Pedra Branca, Piancó, Pombal, Princesa Isabel, Santa Inês, Joca Claudino, São Bentinho, São Bento, São José do Brejo do Cruz, São Mamede, Taperoá, Tavares, Uiraúna e Vista Serrana.



    JPOnline

    TCE vai julgar contas de nove Prefeituras

    O Tribunal de Contas da Paraíba vai se reunir, nesta quinta-feira (15), a partir das 9 horas, para a verificação, entre outras, das contas anuais de nove Prefeituras e quatro Câmaras de Vereadores.
    Compõem, ainda, a pauta de julgamentos processo decorrente de inspeção especial realizada em 2017 na Companhia de Água e Esgotos do Estado (Cagepa) e as contas de 2015 de A União – Superintendência de Imprensa e Editora.
    O TCE analisará contas oriundas das Prefeituras de Patos (exercício de 2013) Nazarezinho (2014), Várzea, Logradouro, Guarabira, Mãe d’Água Malta, Baía da Traição e Boa Vista (2015).  A de Araçagi aparece na pauta com os exercícios de 2015 e 2016.
    As Câmaras Municipais com prestações de contas a serem examinadas na mesma sessão plenária são as de Pocinhos (2013), Juazeirinho (2014), Umbuzeiro e Fagundes (2016).
    Organismo presidido pelo conselheiro André Carlo Torres Pontes o TCE reúne-se ordinariamente às quartas-feiras (a exceção decorre do fim do período carnavalesco e do primeiro dia da Quaresma), com acesso permitido ao público e transmissões ao vivo pela TV TCE-PB (Canal no Youtube).
    MaisPB

    quinta-feira, fevereiro 15, 2018

    Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor está com inscrições abertas e conta com três novas categorias


    Serão premiados gestores que tenham implantado projetos com resultados de estímulo ao surgimento ou desenvolvimento de pequenos negócios.

    Com três novas categorias este ano, o Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor está com as inscrições abertas para a etapa estadual, que deve ter seu resultado divulgado no mês de dezembro deste ano. Serão premiados gestores que tenham implantado projetos com resultados comprovados de estímulo ao surgimento e ao desenvolvimento de pequenos negócios e à modernização da gestão pública. As três novas categorias acrescentadas esse ano são: Políticas Públicas para o Desenvolvimento dos Pequenos Negócios, Cooperação Intermunicipal para o Desenvolvimento Econômico e Empreendedorismo nas escolas.

    As inscrições seguem até o dia 17 de agosto, quando, por meio do sitewww.prefeitoempreendedor.sebrae.com.br , são enviados os projetos pelos prefeitos municipais. Na etapa seguinte, de habilitação, que ocorre à medida que os projetos são enviados, uma equipe do Sebrae PB avalia se eles atendem ao regulamento. Caso haja algo a ser alterado, o proponente é contactado, podendo fazer as alterações até o último dia de inscrição.

    Entre os dias 24 de agosto e 21 de setembro, será feita a pré-seleção estadual, com base na avaliação dos projetos. Os municípios selecionados receberão, então, uma visita técnica, de representantes do Sebrae para confirmar as informações do projeto e colher depoimentos dos beneficiados. Após a visita técnica, será feita uma nova seleção estadual, levando-se em conta os projetos e a visita técnica. A premiação estadual está prevista para acontecer no mês de dezembro.



    Fonte:Click Picui 


    Com Assessoria de Imprensa SEBRAE PB